quinta-feira, 14 de julho de 2011

Xô Enxaqueca!


Em  geral, as crises de enxaqueca duram horas e podem se estender por dias. Elas provocam dor forte e latejante e ocorre geralmente de um lado só da cabeça. A luz e o som  incomodam e podem surgir náuseas  ou vômitos. Algumas pessoas relatam, inclusive, que chegam a sofrer de enxaqueca diariamente pelo uso abusivo de analgésicos. Em alguns casos mais extremos, podem ocorrer desmaios ou períodos de confusão mental.
A enxaqueca ocorre pela combinação de dois fatores: a predisposição genética e as agressões do meio ambiente. Este último item pode corresponder a estresse, alimentação com excesso de frituras e gorduras, bebidas alcoólicas, sedentarismo e até mesmo excesso de medicamentos contra dor de cabeça. Quem apresenta os sintomas da enxaqueca deve procurar um neurologista, que vai indicar o tratamento adequado. 

Veja alguns cuidados que podem evitar a dor de cabeça comum, e a reduzir o risco de crise de enxaqueca:

- Coma regularmente, faça refeições leves antes de dormir.
- Tome muita água e não fume.
- Evite álcool e refrigerantes.
- Faça exercícios regularmente.
- Procure dormir de acordo com suas necessidades.
- Fique longe de fumaça ou perfumes fortes.
- Evite estimulantes, como café, chá e chocolate.
- Evite tensões e causas de estresse.
Fonte: Johnson & Johnson


Nenhum comentário:

Postar um comentário