Como evitar os pelos encravados?


Pelos encravados são um dos grandes inimigos de um pele bonita, saudável e depilada. Infelizmente é comum e estão associados a todos as formas de depilação, que obstruem o canal por onde o pelo passa. De acordo com dermatologistas, as células mortas cobrem a saída e criam uma resistência à força dos folículos pilosos, os fios mais grossos, como os da virilha, podem voltar a nascer encurvados e penetrar de novo na pele.
Além disso, devido ao espessamento da pele, que acontece devido ao excesso de formação da sua proteína básica, a queratina, associado ao uso constante de roupas apertadas, a obesidade e outros fatores, contribui para agravar o problema e obstruir ainda mais a saída do pelo. A situação fica ainda pior, quando não uma higienização constante da área em que os pelos costumam encravar e isso, levar à foliculite, infecção causada por bactérias.
O único tipo de depilação que garante uma pele livre dos pelos encravados é a depilação a Laser, mas devido ao custo esse tratamento se torna inviável para muitas mulheres. Nesses casos, o melhor a fazer é seguir algumas dicas e recomendações dadas por especialistas no assunto e prevenir esse problema.
Os esfoliantes corporais são grandes aliados, devem ser usados semanalmente e todos os dias, durante três dias, antes da depilação. O produto vai auxiliar na remoção de células mortas, afinar a pele e facilitar a passagem do pelo. Para obter resultados melhores, dê preferência àqueles produtos que possuem agentes bactericidas em sua composição, como o triclosan. Além de esfoliar, ele ajudará também a combater possíveis inflamações. Depois da depilação, continue usando o esfoliante por mais cinco dias para ajudar a desobstruir os poros e facilitar a saída do pelo.
O ideal é não usar sempre o mesmo método depilatório, por isso se não for possível fazer a Laser, alterne períodos de uso de cera com uso de lâminas. Evite cutucar, espremer ou arrancar os pelos encravados, pois isso só deixará o pelo mais inflamado.
Fonte: Resumo do Dia

2 comentários: