Querido diário...

Depois de três meses sem estar por aqui, é muito bom voltar a escrever pra vocês. Sabe como é, a tal da vida vai nos levando por tantos caminhos, que acabamos deixando sempre algo de lado. Mas, vamos ao que interessa? 

Sempre que uso a tag, "Querido diário", vocês já sabem que é algo sobre my life. Hoje gostaria de conversar sobre um momento bem legal que estou passando, um momento de observação. Eu acredito que mais importante que chegar ou sair de um ponto, é aproveitar a caminhada, aprender com as experiências que a vida nos impõe. E pode acreditar, eu tenho feito isso muuuuuito. 

Já comentei com vocês que sou professora, foi um escolha que fiz durante minha adolescência e sempre tive certeza que queria fazer isso, queria fazer a minha parte. Acredito que é muito importante a pessoa fazer o que gosta, mesmo após um longo dia de trabalho em dois ou até três turnos, chego em casa cansada, mas com a certeza que dei o melhor de mim. 

É isso que faz a vida valer a pena! 😊
É claro que existem dificuldades, como em todas as profissões, mas é extremamente gratificante ver o aluno aprender, crescer com o tempo. Eu vejo meus alunos como amigos, tento trata-los de igual para igual, mesmo com os devidos limites que o profissionalismo exige, a melhor maneira para trabalhar com adolescentes, é a aproximação. Não gosto de impor, acredito que o respeito é algo que deve ser conquistado e não imposto, eu costumo pedir, trocar experiências com eles. 

A melhor parte disso tudo, é que nenhum dia é igual ao outro, eles sempre me surpreendem de alguma forma, posso preparar um aula para três turmas do mesmo ano, e acredite, nenhuma vai ser igual a outra... E é isso, estou muito feliz em poder mostrar um pouco do meu mundo para vocês! bjo




P.S.: Gostaria de oferecer esse post para uma turminha muito especial, meus alunos de 2015. Yrlana, Hillary, Lúcio, Luana, Bruna, Ravena, Laís, Stefanie, Jardel, Lipe, Cleberson, Carlos, Renata, Caique, Vítor e todos os outros colegas! Bjo



2 comentários:

  1. Acho muito legal quando uma pessoa faz o que gosta, principalmente quando é professora, uma profissão que é a base de todas as outras. Eu sou pedagoga, pensei que ia me adaptar a sala de aula, mas não consegui conviver com a realidade de uma escola municipal onde faltava tudo.
    Outra coisa que gostei muito foi ver um blog com um algo a mais, a maioria só fala de festa , sapato e viagem. Fica um copiando o outro, um pouco de vida
    real é muito bom também.
    Gostei muito do seu blog, parabéns!

    Mone Rezende

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Mone! Fico muito feliz em interagir com novas pessoas por aqui, muito bom saber que gostou do blog. E sobre sua experiência em sala de aula, infelizmente sabemos que é a realidade da maioria das escolas do nosso país. Eu trabalho em uma estadual e não é muito diferente.
    Seja bem vinda, bjo!

    ResponderExcluir